Revista 26 / Fevereiro 2000

Revista 26 / Fevereiro 2000

Segundo maior produtor mundial da fruta, com 1,717 milhão de toneladas/ano, o Brasil ainda perde espaço no mercado mundial pela má aparência que os abacaxis consumidores. 

A prova do feijão

Avalie este item
(0 votos)

Até pouco tempo atrás, não se falava em colheita de feijão mecanizada. A Case, segundo Gonzales, foi uma das introdutoras dessa tecnologia no Brasil. Para tanto, criou até o kit específico para as condições brasileira, com uma série de acessórios que visam reduzir as perdas e a sujeira do produto. Trata-se de um conjunto de 70 peças para esse trabalho. 

É hora da colheita!

Avalie este item
(0 votos)

A necessidade urgente de renovação na frota nacional e o anúncio da liberação de recursos governamentais para o setor vem entusiasmando as indústrias de colheitadeira para a comercialização em 2000. 

É preciso aumentar leque!

Avalie este item
(0 votos)

A pauta das exportações agrícolas é liderada pelo açúcar, café, carnes (boi, frango e suíno), fumo, laranja e soja, que são responsáveis por mais da metade da receita obtida pela agropecuária no comércio internacional. A forte concentração das vendas nestes seis produtos condiciona, em alguns casos até impede, que o Brasil obtenha um avanço mais significativo e, ainda, tenha um comportamento mais agressivo na procura por novos espaços no mercado externo.

Frigoríficos querem escala

Avalie este item
(0 votos)

O abate de cruzamento industrial de Marchigiana com Nelore é bem vindo nos frigoríficos brasileiros. No entanto, a constância de produção aparece como um requisito essencial para um trabalho mais ativo de divulgação da qualidade da carne. 

Jersey dinamarquês ganha espaço

Avalie este item
(0 votos)

Leite rico em sólido, com índices de gordura em 6% e de proteína em 4%. Com estes atrativos, a genética Jersey da Dinamarca conseguiu despertar o interesse dos criadores do Brasil, que vêem nela uma boa opção para refrescar o sangue e do rebanho nacional e ainda elevar os níveis de produtividade. 

Kit de terreiro suspenso: uma boa opção

Avalie este item
(0 votos)

Com ele o produtor ganha tempo e dinheiro na montagem do terreiro, além de garantir uma secagem mais rápida e eficiente do café, resultando numa bebida de melhor qualidade. 

Mercado de fácil liquidez

Avalie este item
(0 votos)

Um cenário em que a oferta é menor que a procura tem feito com que a comercialização da raça a grande vendedores e compradores. Unânimes em afirmar que o mercado está sedento por animais Marchigiana, criadores e leiloeiros estão otimistas com os resultados que a raça vem alcançando.

O melhor choque de sangue

Avalie este item
(0 votos)

Depois de avaliar resultados de cruzamentos com diversas raças, a Fazenda Santa Cecília da OMF, de Araçatuba, SP, decidiu trabalhar apenas com a Marchigiana. 

Pangaré, com muito orgulho!

Avalie este item
(0 votos)

Nem só de animais de raça pura vive o mercado de cavalos no Brasil. Do outro lado existe também um mercado muitas vezes desprezado, mas bastante ativo, garantido o sustento de muitas pequenos proprietários. 

Rusticidade a toda prova

Avalie este item
(0 votos)

Dono de três fazendas no Brasil, o Grupo Unitas estruturou uma interessante maneira de trabalhar com a raça Marchigiana. Produz os touros em uma de suas propriedades no Estado de São Paulo e exporta para suas terras e Balsas, no Maranhão. 

Safrinha - ainda há tempo para apostar

Avalie este item
(0 votos)

Seja com produção de grãos ou formação de pastagens, o produtor que desejar reduzir os prejuízos que a seca provocou em suas lavouras ainda pode recorrer á safrinha. 

Depois de enquadrar a genética da Marchigiana nos padrões incrementando o rebanho de animais de elite, o mercado de sêmen nacional passa a oferecer doses mais baratas com o intuito de estimular a produção comercial. 

Uma associação que não pára

Avalie este item
(0 votos)

Sempre preocupada em mostrar dados comprovados sobre a raça, Associação Brasileira de Criadores de Marchigiana (ABCM) não dispensa as informações científicas e leva á frente o slogan “ A Raças de Resultados”.