Revista 10 / Agosto 1998

Revista 10 / Agosto 1998

Se nos últimos dois anos a difusão em maior escala da DEP (Diferença Esperada de Progênie) no setor de corte tem se revelado uma tendência consolidada, contribuindo para o ajuste de qualidade do rebanho nacional, para a pecuária leiteira o serviço de controle leiteiro é uma realidade que soma várias décadas, buscando a excelência genética para o rebanho leiteiro.

Mercado brasileiro: extremamente sedutor!

Avalie este item
(0 votos)

Os pecuaristas que decidiram partir para um trabalho de seleção da raça Red Angus tem a convicção plena de que "ela é a bola da vez". Sem receio de aproveitar - se modismo para disseminar o seu uso nos diversos programas de cruzamento realizados por aí, eles apostam firme na qualidade para garantir seu espaço definitivamente. "Os resultados alcançados nos produtos 1/2 sangue são nosso melhores cartão de visita", afirma Luiz Eduardo Batalha, titular Chalet Agropecuária, que, juntamente com mais oito criatórios, firmou recentemente um contrato de franquia com Leachman Cattle Company.

A vantagem segundo eles é a considerável redução do índice de mortalidade, de infestação por verminose, doença do caso (manqueira) e a elevação do ganho de peso em tempo mais rápido permitindo uma comercialização dos animais em períodos conhecidos como de entressafra no caso dos cordeiros, e de melhor qualidade e apresentação para os puro de pedigree. Esta diminuição no período de permanência dos animais na propriedade melhora muito o retorno financeiro da atividade.