Revista 92 / Outubro 2005

Revista 92 / Outubro 2005

CABRAS: AS VANTAGENS DE SINCRONIZAR O CIO

Avalie este item
(0 votos)

De acordo com o técnico agrícola e proprietário da Embriatec, Julio Fernando da Motta Silva, que mantém um trabalho com fêmeas de ovinos e caprinos na região de Porto Feliz, SP, a principal vantagem da sincronização é que o produtor elimina a etapa da verificação diária de cio, um trabalho demorado e que nem sempre é sinônimo de resultados. Segundo Motta, na

CAFÉ: UM "UP GRADE" NA QUALIDADE

Avalie este item
(0 votos)

Por quase um século o café foi a grande riqueza brasileira. A cultura ocupou vales e montanhas, possibilitando o surgimento de cidades e o aparecimento de importantes centros urbanos por todo o interior do Estado de São Paulo, sul de Minas Gerais e norte do Paraná, regiões naquela época com grandes vocações para a cultura cafeeira. Ferrovias foram

CANA: COLHEITA MECANIZADA

Avalie este item
(0 votos)

Até pouco tempo, o setor usineiro dependia exclusivamente da mão-de-obra humana para realizar o corte da cana-de-açúcar. Eram famílias inteiras de trabalhadores rurais que passam horas todos os dias, enfrentando as condições mais adversas para desempenhar seu trabalho. Só que de uns tempos para cá, o processo de colheita da cana passa por um

CEAGESP: A GANGORRA DOS PREÇOS

Avalie este item
(0 votos)

É comum analisarmos preços dos produtos agrícolas no mercado e ver uma variação de alta ou baixa nos preços. Na terceira quadrissemana de setembro, por exemplo, os preços agrícolas estavam em desvalorização. O índice de preços recebidos pelos agricultores (IPR) apresentou queda de 1,80%, contra a taxa de -3,59% apurada nas semanas anteriores.

LEITE: VIDA NOVA!

Avalie este item
(0 votos)

A tecnologia neste caso surge como uma forte aliada do produtor, incorporando ferramentas de gestão e manejo que aceleram o processo e diminuem os custos fixos das fazendas. Quando trazemos isso para o contexto da agricultura familiar, onde as propriedades são, na grande maioria, de pouca infra-estrutura e quase nenhum dinheiro para investir, o

MILHO: A ENGENHARIA DO HÍBRIDO

Avalie este item
(0 votos)

Evidências fósseis provam que os milhos atuais produzem cerca de cinqüenta vezes mais do que os milhos primitivos. Na verdade, em muitos casos, um único grão de certas variedades atuais do milho contém maior quantidade de alimento do que todos os grãos de uma espiga primitiva.

MINERAIS: SÓ CAPIM NÃO BASTA!

Avalie este item
(0 votos)

"A suplementação correta pode eliminar deficiências, como as chamadas 'doenças carenciais' e ainda melhorar o índice de produtividade", é o que afirma a pesquisadora da Embrapa Gado de Corte, Maria Luiza Franceschi Nicodemo. No entanto, alguns produtores pensam ao contrário e, consideram elevado o gasto, por até representar uma parte considerável de

O crescimento no volume de área aplicada à cultura que, desde 1997, aumentou em mais de 700%, fez surgir um aumento na demanda de sementes, proporcional ao tamanho da produção. E, é exatamente nesse ponto que os especialistas falam que está o problema.

UM ZEBU SEM MEDO DO FRIO!

Avalie este item
(0 votos)

Trazidos primeiramente para a região Sudeste, logo esses animais se mostraram rústicos e de grande adaptabilidade a cria extensiva. Por esse motivo, não demorou muito para que o zebu ganhasse as fronteiras pelos nos quatro cantos do país.